Skit Company anuncia Kill The Session, o documentário. Novas fotos reveladas.

No passado dia 06 de Março a Skit Company cumpriu uma promessa recente: realização de um evento independente em que os artistas convidados que não fosse o público do mesmo. Tal desiderato transformou-se numa realidade naquilo que foi baptizado com o nome: KILL THE SESSION, que poderá ser revisto e entendido em documentário homónimo.

[metaslider id=1672]

Uma curta metragem que retrata uma emergente iniciativa de esforço colectivo entre os movimentos underground Hip Hope e a comunidade metalahead angolana. Dirigida por Skit Van Darken, e com imagens colhidas entre Fevereiro e Março revelando as tensões e desafios de um movimento híbrido embrionário que busca autonomia e independência cada vez mais sólida capaz de oferecer e criar resiliência para sobrevivência de uma anónima sociedade de artistas com fortes obstáculos para alcançar público quer pelos conteúdos ou pela estratificação social.

 

O documentário apresenta depoimentos dos artistas envolvidos no evento e toda uma história de resistência e adversidades, desafios e compromissos que deixam claros uma forte vontade de eternização de duas culturas alternativas.

 

As filmagens foram realizadas por Raím pela Limperio Filmes e Mena Kuntima Teresa pela Skit Company, com o texto e Edição de Skit Van Darken.

Skit Company protagoniza primeira grande festa alternativa pós-pandemia | Skit Company

Nenhum comentário

Deixar uma resposta